« Home | Scorm 2004 - 3rd Edition Public Draft » | Lazy, stupid and evil design » | Momento Mágico » | Escola de Comunidade CL » | "O Evangelho da vida e da família" » | "Deus caritas est" - a oração » | AllLearn – Alliance for Lifelong Learning... termi... » | Chalk one up to the whiteboard » | São José » | What the research says about interactive whiteboar... » 

sábado, março 25, 2006 

Jejum e esperança





Ontei conversei com um grupo sobre o "Jejum e a Esperança".
Deixo alguns apontamentos do CIC (Catecismo da Igreja Católica) que li com eles.


“Todos nós, sem dúvida, queremos viver felizes, e não há entre os homens quem não dê o seu assentimento a esta afirmação” – St. Agostinho (CIC1718)

“A razão mais sublime da dignidade humana consiste na sua vocação à comunhão com Deus. Desde o começo da sua existência, o homem é convidado a dialogar com Deus; pois se existe, é só porque, criado por Deus por amor, é por Ele, e por amor, constantemente conservado; nem pode viver plenamente segundo a verdade, se não reconhecer livremente esse amor e não se entregar ao seu Criador” - Gaudium et Spes (CIC27)

“Como é então, Senhor, que eu te procuro? De facto, quando te procuro, ó meu Deus, é a vida feliz que eu procuro. Faz com que Te Procure, para que a minha alma viva! Porque tal como o meu corpo vive da minha alma, assim a minha alma vive de Ti.” St. Agostinho na suas Confissões (CIC1718)

“Só Deus sacia” – S. Tomás de Aquino (CIC1718)


Por isto jejuo, nisto acredito... por isto espero!

Links para este post

Criar uma hiperligação

hidden hit counter